JORNAL DE VIANA

A realidade dos factos em Angola

No Cuanza Norte mulheres exortadas a apostarem na agricultura

By: Redacção

…..

As mulheres da comunidade cristã da Igreja Assembleia de Deus Pentecostal no Cuanza Norte, foram, recentemente, exortadas pelo governador da província, João Diogo Gaspar, a apostarem na agricultura no âmbito do programa de combate a fome e a pobreza.

Em culto de acção de graças realizado recentemente no pavilhão gimno desportivo Engenheiro José Eduardo dos Santos na cidade jardim, aquele governante, destacou a cooperação existente entre o Estado e a Igreja na formação do homem novo, bem como no resgate dos valores morais, e cívico, assim como na preservação dos bens públicos e da estabilidade  social do país, como o grande património dos angolanos.

João Diogo Gaspar, realçou que “o executivo angolano liderado pelo Presidente João Manuel Gonçalves Lourenço, tem estado a trabalhar no sentido de fortalecer cada vez mais o papel social das igrejas na moralização da sociedade, tendo em atenção aos ensinamentos destas, que têm feito toda a diferença na pacificação dos espíritos de forma a caminharmos, ” juntos de mãos dadas”, “para a construção de uma Angola cada vez sempre Una, Indivisível e Inclusiva”.

Por outro lado, aquele dirigente, diz esperar da juventude cristã, uma postura que de facto, esteja alinhada aos ensinamentos do evangelho de Cristo, baseado no amor ao próximo, influenciando positivamente os outros jovens a agirem no intuito da contínua preservação dos bens públicos e na edificação deste país, para que tenhamos uma Angola mais segura, próspera e desenvolvida.

Reiterou o desafio às mulheres cristãs no sentido de apostarem mais na agricultura para melhorarem as suas condições  económicas, contribuindo desse modo no combate à fome e à pobreza, assim como impulsionar a diversificação da economia do país e da província em particular.

“As mulheres e mamãs, merecem também todo o nosso apoio. E com base no programa do governo direcionado para o combate à fome e a pobreza, vamos reforçar a atenção a este segmento social, que representa a maior franja da população angolana, para que possam elevar os seus níveis de produtividade e terem um papel determinante na diversificação da economia da província e do país em geral”.

 

 

…..

 

Fonte: Facebook da AM/Gonguembo

…..

Comente e partilhe